Manifesto da Ocupação Copa do Povo / People’s World Cup Occupation Manifesto (SP)

(Divulgação | Original por MTST)

Se teve dinheiro pra Copa da FIFA, tem que ter pra Copa do Povo!

Na noite de 2/5 centenas de famílias organizadas pelo MTST ocuparam um terreno que estava abandonado há anos em Itaquera.

Nos dois dias seguintes a ocupação recebeu cerca de 2 mil famílias que estavam em condições precárias de moradia na região. São trabalhadores do Jardim Helian, Gleba do Pêssego e Jardim Cibele (comunidades de Itaquera). Mas não só: famílias vieram também de São Miguel, Ermelino Matarazzo e outros bairros da zona leste.

As histórias são quase as mesmas. Famílias que não podem mais arcar com o valor abusivo dos aluguéis, que cresceu violentamente, em especial em Itaquera, por conta do Estádio e das obras ligadas à Copa. Segundo o Índice Fipe/Zap, o valor do metro quadrado em Itaquera aumentou 165% nos últimos 6 anos.

É claro que a especulação imobiliária não ocorreu apenas por conta da Copa. Mas o evento agravou a tendência que já existia, principalmente nas regiões das obras. Isto não é um fato novo: Estudo da Relatoria de Moradia da ONU já demonstrou que os megaeventos estão sempre ligados a especulação imobiliária por onde passam.

Por estas razões, a Ocupação foi batizada como Copa do Povo. Enquanto a Copa da FIFA ocorrerá com investimentos de cerca de R$30 bilhões, sem atender o povo, que sequer poderá pagar ingresso para assistir aos jogos, o povo organiza sua resposta.

A menos de 3 quilometros do palco de abertura, milhares de famílias lutam debaixo de lona pelo direito básico a uma moradia digna. A Ocupação Copa do Povo escancara esta contradição.

Esperamos que os Governos – municipal, estadual e federal – tenham a responsabilidade de não reprimir a ocupação e de desapropriar o terreno para moradia das famílias sem-teto.

Se teve dinheiro pra Copa da FIFA, tem que ter pra Copa do Povo!

COORDENAÇÃO NACIONAL DO MTST/RESISTÊNCIA URBANA

>>> ENGLISH <<<

PEOPLE’S WORLD CUP OCCUPATION MANIFESTO

On may 2nd, hundreds of families from Homeless Workers Social Movement from Brasil have occupied a land that was abandoned for years, in Itaquera, neighbourhood where World Cup will start in Brasil next month.

During the last days, the occupation has received about two thousand families, which were in awful home conditions around the area. They are workers from Jardim Helian, Gleba do Pessego e Jardim Cibele (parts to Itaquera). But not only, we have received people from all the east zone of São Paulo.

Their stories are pretty much the same: poor people who couldn’t afford the abusive rent values that has drastically grown, specially in Itaquera, due to World Cup. The value of the square meter has increased 165% in the last six years.

Despite the imobiliary speculation has not only reasons concerned to the sport event, it has certainly decisive responsibility in a tendency that already existed. Studies from the “The human right to adequate housing” from UNESCO demonstrated that the events like Olympics and World Cup are directly linked to the raise of house’s prices.

Due to all this reasons, the occupation was named “COPA DO POVO” (“PEOPLE’S WORLD CUP”). While Fifa’s event will happen with 30 billions of investments, without legacy to the poor brazilian people who can’t even afford the games tickets, we organized an answer.

Less than 2 miles from the opening stadium, thousands of families fight for the human right to adequate housing, under improvised canvas houses. The Copa do Povo occupation opens wide this contradiction.

We hope that brazilian government has the coherence to supply these homeless families with their needs.

IF THERE WAS MONEY FOR FIFA’S WORLD CUP, IT SHOULD HAVE FOR PEOPLE’S WORLD CUP.

MTST – URBAN RESISTANCE

Anúncios

, , , , , , , ,

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: