Mural

O sentimento de solidão torna o caminho sempre mais difícil. Não é este o caso: sabemos que não estamos sozinhos/as. Cada palavra de apoio reacende o fogo da luta de todos/as, amplia a rede de solidariedade e dá forças para cada novo passo.

Deixe aqui sua mensagem de solidariedade à luta Pela Moradia!

  1. #1 por Ivan Nil em 16/12/2010 - 10:27

    TENHO BOLETIM DE OCORRENCIA REGISTRADO NA 54 DP C. TIRADENTES
    DEVIDO A INVASÃO DOS PREDIOS BAIRRO FERROVIARIOS RUA PADRE ADELINO
    PROXIMO A ESCOLA FERNANDO PESSOA . PROVAVELMENTE OUVE CONTRABANDO DA ADESÃO QUE SE ENCONTRA REGISTRADA NO CARTÓRIO LIBERDADE; NÃO TENHO MUITAS ESPECTATIVAS EM RELAÇÃO A RETIRADA DOS INVASORES IRRESPONSAVEIS PELA INAUGURAÇÃO QUE NÃO ACONTECEU COM AUSENCIA DA SUBN PREFEITURA ,VEREADOR ADOLFO QUINTAS E PREFEITO CASSAB E OS DEMAIS CRIMINALIZADORES QUE MARGINALIZAM NOSSOS MOVIMENTOS.
    contatos: afro.dimpacto@itelefonica.com.br telefone 8527-8430 com ilda.

  2. #2 por Cris_Cabreuva em 26/01/2011 - 14:23

    Força aí galera…a proposta permacultural como forma de interação das pessoas e integração com o espaço de ocupação parace ser uma inovação muito promissora e eficiente.

    PArabéns e compartilhamos esse sonho no único e mesmo chão sem muros.
    Forte abraço

  3. #3 por Jaya Kesava em 28/06/2011 - 3:44

    Vila Joana em Alerta! Risco de despejo para criar estacionamento…

    Caros Companheiros, solicitamos a comprenção de todos, temos uma ocupação na Rua Do Rezende 182, Centro Rio RJ, movemos ação contra a Rio Previdência pertencente ao Governo do Estado. Há decisões também conflitantes, pois duas casas já foram despejadas, uma tem ordem de despejo, com trânsito em julgado, uma venceu na justiça, sendo que as demais estão sub-judice.
    temos habitantes que estão lá a mais de 50 anos e simplismente lhes foram dito que devem sair, na verdade já receberam um aviso. Estamos nessa luta companheiros, vamos até o fim, estamos certos que venceremos, já entramos com ação de manutenção de posse.

    Solicitamos a todos que assinem o Abaixo Assinado, precisamos do apoio de todos, “juntos somos mais forte”.
    Se estivermos sempre unidos, Irmãos, certamente ganharemos essa batalha.

    Agradeço a participação de todos, enviem para todos os e-mail de amigos, conhecidos, colegas, camaradas e companheiros de toda a Nação.

    Muito Grato.

    Em nome da FIST- Frente Internacinalista dos Sem – Teto,

    Dr.André de Paula
    Dr. Barbara
    Theplo
    Coletivo Lênin.

    ” Moradia não é esmola, é direito e todos nós temos o dever de exigir esse
    direito”
    Jaya Kesava.

    • #4 por pelamoradia2 em 28/06/2011 - 20:31

      Companheiros/as, prestamos solidariedade à luta das famílias da Vila Joana!

      Nos informe como assinar o Abaixo Assinado do qual falam para que possamos divulgar também.

      Saudações!

    • #5 por pelamoradia1 em 30/06/2011 - 12:32

      Olá companheir@ da Fist, onde está o Abaixo assinado. Nos dispomos a divulgar, assim como qualquer outro artigo enviado para nós. Força na Luta!

  4. #6 por Antonio Carlos Tarragô Giordano em 16/09/2011 - 11:39

    Camaradas, todo o apoio, solidariedade e força à camarada Márcia Honorato, pois ela está sendo perseguida pela máquina assassina dos mais frios assassinos do RJ, fardados eles são responsáveis por várias chacinas e até pela morte da juíza. Não podemos deixar Márcia a Mercê desta barbárie, temos que exigir do estado a total segurança para a Márcia e sua família e não podemos deixar estas denúncias só na Internet, temos que levá-las ao conhecimento de todos os seguimentos da sociedade, principalmente as instituições dos trabalhadores, sindicatos, centrais e partidos de esquerda, direitos humanos etc!Portanto Camaradas, todo apoio à Márcia Honorato e sua família!

  5. #7 por Andrea Rukop Marques em 23/11/2011 - 23:44

    Acabo de ler o que aconteceu aos moradores da rua em questão no Campinho num texto extremamente bem redigido e fiquei perplexa com a indecência desta prefeitura. Eu sempre soube que o descaso por uma política habitacional é algo antigo nesta cidade. Eu não sabia que esta prefeitura fora capaz de praticar uma ação tão incompreensível sobre todos os aspectos legais. Gostaria de saber o que o judiciário fará a respeito?
    Isto é motivo para a população carioca se unir e derrubar este Prefeito -CANALHA! Eduardo Paes e seus sua CORJA são CANALHAS!

  6. #8 por daniel Santos em 17/03/2012 - 19:20

    olá, pessoal que luta por moradia digna no RJ, sou Daniel Santos de Niterói, e parabenizo à todos.
    Estou com uma publicação do Jornal da Fist de 2010, que consegui em um evento na ocupação quilombo das guerreiras, mas, gostaria de receber periodicamente essa publicação. Como fazer?
    Abçs
    Daniel Santos

    • #9 por pelamoradia1 em 18/03/2012 - 21:17

      Daniel, a melhor opção é entrar em contato diretamente com a FIST. O link para o blog da organização está em nossa coluna de links. Abraços!

  7. #10 por Rafael Gomes Penelas em 04/06/2012 - 15:10

    Amigos(as),

    Gostaríamos de lhes convidar para as atividades de celebração dos 10 anos do jornal A Nova Democracia que serão realizadas nos dias 8 e 9 de junho no Rio de Janeiro.
    Convidamos a todos os apoiadores da imprensa popular para que participem dessa importante celebração de 10 anos de existência e resistência do nosso jornal.
    Desde já, sintam-se convidados!

    PROGRAMAÇÃO:

    DEBATE: A IMPRENSA POPULAR E DEMOCRÁTICA
    Dia 8 de junho, às 18h, na Associação Brasileira de Imprensa (ABI)
    Rua Araújo Porto Alegre, n° 71, auditório do 9° andar.
    Centro – Rio de Janeiro

    Com a presença de:

    – Vito Giannotti (Membro do Núcleo Piratininga de Comunicação e do conselho editorial do jornal Brasil de Fato).
    – Raimundo Pereira (Diretor do jornal Movimento nos anos de 1970/início dos 80; Diretor editorial da revista Retrato do Brasil).
    – Maurício Azêdo (Presidente da Associação Brasileira de Imprensa).
    – José Ricardo Prieto (Diretor geral do jornal A Nova Democracia).

    ATIVIDADE CULTURAL
    Música popular, teatro, dança e poesia
    Dia 9 de junho, às 19h.
    Local: Espaço de Dança Caio Monatte
    Rua Haddock Lobo n° 79/sobrado.
    Próximo a estação de metrô do Estácio.

  8. #11 por Ronaldo em 10/06/2013 - 13:24

    Com luta!
    com garra !
    a casa sai na marra !!!!

    Apoie agente aki….!

  9. #12 por Aparecido do industrial em 25/09/2013 - 9:22

    Moradores antigos da vila itau -Contagem-MG são assediados moralmente todos os dias, acompanhe em :http://vilaitau.blogspot.com.br/

  10. #13 por Lucy em 08/02/2014 - 17:29

    I am curious to find out what blog system you’re using? I’m having some small security problems with my latest website and I would like to find something more safe. Do you have any solutions?

  11. #14 por Marcelo Anonimo em 08/05/2014 - 14:57

    Prezados,

    Gostaria de manifestar minha indgnação contra os protestos por moradia em São Paulo.

    Sou totalmente contra estes protestos, e peço ao prefeito, que não ceda às pressões dos protestos e não entregues as poucas áreas preservadas a estes grupos organizados e aproveitadores.

    Infelizmente ainda restam poucas áreas verdes e preservadas em São Paulo – incluindo os terrenos ocupados – e não podemos deixar que acabem com elas.

    O problema deste pessoal é que todos querem as coisas de um jeito fácil de de graça. E aqueles que trabalhaam pagam impostos e esperam por uma moradia? É muito fácil “neguinho” vir não sei de onde, organizar um grupo e invadir terrenos para se apoderar do mesmo. Onde vamos parar deste jeito.

    Muitos não estão nem aí para as questões ambientais e consequências, apanas querem um terreno para se apoderar e fazer nengócios ou coisa do tipo.

    Mais uma vez peço ao governo, força e postura contra este pessoal. Não vamos acabar com as poucas aŕeas verdes que ainda restam.

    Existem outras formas de resolver este problema, como oferecer um credito diferenciado ou incluí-los no programa minha casa minha vida ou programas sociais. Não podemos deixar que invadam terrenos e acabem com o meio ambiente.

    São Paulo não comporta mais moradias e degradação ambiental.

    Governos e Responsáveis, vamos acabar com as invasões e proteger nossas únicas reservas (como as áreas invadidas no Grajaú) que ainda restam.

    Sem mais,

    Marcelo

  12. #15 por glauber em 05/06/2014 - 17:40

    Esse Tal, Marcelo não sabe o que diz provavelmente ele não sabe nem quem ele é eu não invadi o terreno, mas apoio estes protestantes por que se no mundo existisse igualdade social, não estaríamos nesse caos que estamos hoje em dia, filhos matando pai, roubos corrupção metros,trens ônibus cheios gente passando e até morrendo de fome em muitos lugares e mulheres e homens com filhos como estas pessoas estão invadindo os terrenos sem casa e muitas vezes moram na rua e quando seus filhos crescem sem uma educação digna viram marginais ladroes e isso que você quer:? Te mando um recado aprenda a viver para depois criticar.Vou parar de falar pois existem muito mais merda atras disso tudo

    Glauber

  13. #16 por Maria Aparecida Trazzi Vernucci da Silva em 26/08/2014 - 9:29

    NOTA DE APOIO AS 8 MIL FAMÍLIAS DAS OCUPAÇÕES VITÓRIA, ROSA LEÃO E ESPERANÇA EM BELO HORIZONTE MG
    O NARA – Núcleo de Ação pela Reforma Agrária de São José do Rio Preto SP, vem manifestar todo apoio às oito mil famílias das ocupações Vitória, Rosa Leão e Esperança, localizadas na mata do Isidoro, região metropolitana de Belo Horizonte. As referidas ocupações encontram-se com ordem de despejo determinada judicialmente, conforme comunicado oficial do Estado de Minas Gerais, e posteriores veiculações na mídia.
    Estas ocupações existem há cerca de um ano e têm o apoio de várias instituições, universidades públicas e privadas e movimentos sociais, como as Brigadas Populares, a Comissão Pastoral da Terra Minas Gerais, o Movimento de Luta nos Bairros, Vilas e Favelas e do Conselho Regional de Serviço Social – 6ª região. Hoje as comunidades possuem planejamento urbanístico e formas de participação popular através de espaços democráticos de decisões. Estas ações demonstram que é possível lutar por um espaço urbano que garanta a organização social e os direitos fundamentais
    Segundo informações: Até o dia 13 de agosto, uma liminar suspendeu o despejo, com a justificativa de que não há um planejamento da Prefeitura de Belo Horizonte para realojar e rematricular em escolas, as mais de mil crianças que vivem no local. Entretanto, de forma arbitrária, a Prefeitura de Belo Horizonte entrou com recurso e a liminar caiu.
    Em 6 de agosto, a Polícia Militar anunciou que o despejo aconteceria nos próximos quinze dias. Portanto, as várias organizações e movimentos sociais que apoiam a causa estão articulando de diversas formas para evitar que essa ordem seja cumprida.
    Ao que pudemos perceber a partir de documentos do CRESS 6ª região, dos documentos dos movimentos sociais envolvidos na luta, o poder público, a (in) justiça do Estado de Minas Gerais mudam de estratégia da noite para o dia colocando em situação de maior insegurança e risco as famílias. A cada dia uma nova informação: observem: no parágrafo acima em 06 de agosto a polícia militar anunciou o despejo, mas em reunião oficial realizada em 07 de agosto foi informado pelo 13º batalhão da Polícia Militar de Belo Horizonte que o despejo das 8 mil família irá ocorrer nos próximos 15 dias, descumprindo assim o acordo realizado de se ter uma nova reunião no mês de setembro.
    O deficil habitacional é grave no Brasil todo, mas em Minas Gerais ele é expressivo. Em contrapartida existem inúmeros terrenos que não cumprem sua função social, conforme preconizado na Constituição de 88 e no Estatuto das Cidades, servindo assim à especulação imobiliária. Despejos de tamanha envergadura, como o que está determinado nas ocupações do Isidoro, não devem ser realizados sem que se esgotem todas as possibilidades de conciliação e que se apresentem alternativa digna de moradia.
    O NARA vem ainda apoiar a Carta Aberta aos Assistentes Sociais elaborada pelo CRESS 6ª região, bem como o parecer jurídico sobre a convocação de 120 assistentes sociais para atuarem no possível despejo das famílias: lembramos a importância de cumprir o que está preconizado no Código de Ética dos Assistentes Sociais evitando ser mais um violador de direitos. Clamamos aos colegas Assistentes Sociais que abarquem essa pauta de luta por direito a moradia, reforçando que terrenos nos centros urbanos precisam cumprir sua função social, como é o caso da mata do Isidoro que estava abandonada há 40 anos. Manifestamos ainda apoio a assistente social e conselheira do CRESS MG Daniele Vassalo que tem acompanhado de perto essa realidade.
    O direito a Moradia, garantido pela Constituição Federal de 1988 e pelo Estatuto das Cidades devem ser respeitados. Decisões arbitrárias de magistrados deverão ser revistas.
    #resisteisidoro. O NARA RIO PRETO se faz presente na luta e na resistência. Avante!
    Assinam a nota – membros do NARA:
    Maria Aparecida Trazzi Vernucci da Silva – TIDA. Assistente Social. Servidora pública municipal. tiddavernucci@gmail.com
    Matsuel Martins da Silva – assistente social, professor universitário. : matsuelmartinssilva@yahoo.com.br
    Lenina Vernucci da Silva – do PCB. Socióloga – professora universitária e servidora pública estadual – leninavernucci@hotmail.com.
    Mandato do Deputado Estadual João Paulo Rillo PT – João Paulo Rillo contato@joaopaulorillo.com.br
    Lucineia figueiredo – assistente social, servidora pública municipal: lucci.figuero@hotmail.com
    Valter de Luca – servidor público municipal. Do PCB. valterlucca@hotmail.com
    Manoel Messias – professor. Do PCB. manomessias21@pop.com.br
    Alex de Souza Rossi – economista, professor universitário, servidor público. alex.rossi@terra.com.br
    Fabio Vilela – professor universitário. fabiofernandesvillela@gmail.com
    Paulo Napoli – professor – servidor público estadual. Do PCB. phn_prolink@hotmail.com
    Pedro Roberto Gomes – assessor parlamentar PSOL: pedro.roberto@terra.com.br
    Marco Rillo – vereador PT: thisoliveira@uol.com.br
    Antonio Silvestre – assessor parlamentar PT: silvestre8@gmail.com
    Thiago Oliveira – assessor parlamentar PT: thiago.oliveira@yahoo.com.br

  14. #17 por Maria Aparecida Trazzi Vernucci da Silva em 26/08/2014 - 17:25

  15. #18 por MLB em 29/11/2014 - 8:31

    NOTA À IMPRENSA:

    Nessa madrugada, o MLB – Movimento de Luta nos Bairros, Vilas e Favelas realizou mais uma ocupação, desta vez na cidade de São Bernardo do Campo (SP).

    Cerca de 400 famílias sem-teto organizadas pelo movimento ocuparam um terreno ocioso localizado entre as estradas Samuel Aizemberg e Fucutaro Yida, no bairro Cooperativa, e batizaram a ocupação em homenagem a Devanir José de Carvalho, assassinado pela ditadura militar, em 1971.

    As famílias exigem que ali sejam construídas moradias populares, garantindo, assim, seu direito humano de morar dignamente.

    Atualmente, essas famílias moram em áreas de risco ou não estavam mais aguentando mais pagar o aluguel.

    O terreno ocupado há anos estava vazio e não cumpria sua função social, servindo apenas à especulação imobiliária.

    Enquanto morar dignamente for um privilégio, ocupar é um dever!

    Visite http://www.mlbbrasil.org

    Curta a página do MLB: http://www.facebook.com/mlbrio

  16. #19 por imovel em 15/06/2015 - 10:13

    Casa grande, com mais de 04 dormitórios, subsolo e garagem para três ou mais carros.

    Abandonada, com as portas e janelas abertas.

    As portas e janelas batem a noite toda com o vento.

    A casa está degradando sob as interpéries, sendo consumida pela chuva e pelo sol.

    Merece moradores.

    Local; Rua 27 Abril 233, Vila Mariza – São Bernardo do Campo, SP

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: