Dia 24 é na Providência! (RJ)

(Divulgação | Recebido via email)

O Grupo de Educação Popular (GEP) convida a todos e todas para festejar os 5 anos do grupo e a Semana da Consciência Negra.

-Programação:

Coletivo de Hip-Hop Luta Armada
Banda Corisco
Roda de Capoeira da Providência
Som + Eu
AK-Bonde (Funk)
Bonde da Cultura (Rap)
Us neguin q ñ c kala (REP)
O levante (REP)
Teatro Militante
Oficina de Bonecas Abayomi (arte iorubá)
Exposição dos 5 anos do GEP
Intervenção circense
Apresentação da luta contra as remoções pela Comissão de Moradores da Providência
Exibição de filmes

24/11 – 14 hrs
Local: Casa Amarela, Morro da Providência

Como chegar?

1) Pegar uma kombi na Rua Senador Pompeu (ao lado da Estação da Central do Brasil), descer no último ponto (em frente a quadra que está em obras), subir a escadaria até o fim, sairá em frente a Casa Amarela.
2) Ir até a Central, subir pela Ladeira do Barroso até o final. Subir a escadaria até o fim. (dá uns 20 min subindo) Não tem erro, todo mundo sabe onde é!

Dia de ZUMBI, dia contra as REMOÇÕES!

Todo dia 20 de Novembro lembramos a morte e sobretudo os ensinamentos de Zumbi, lutador que ajudou a organizar a maior resistência negra contra a escravidão no Brasil – o Quilombo dos Palmares, a comunidade onde todas e todos eram livres e viviam em igualdade. Nós, do GEP, não esquecemos esta história. Não aceitamos que a Providência e nenhuma outra favela – comunidades fundadas pelo povo negro, por ex-escravos e suas filhas e filhos -, sofram remoções para beneficiar a classe média e a burguesia branca.

Organizando a Alfabetização de Adultas e Adultos na Providência e na Ocupação Quilombo das Guerreiras, e o Pré-Vestibular Comunitário Machado de Assis, acreditamos que todos estes espaços e também a escola, a universidade, as creches, cursos técnicos, devem ser cada vez mais lugares onde a diferença e a solidariedade coexistam e, além, que busquem levar essa preocupação à população. Queremos uma educação que passe pela sala de aula, pela rua, pelas manifestações, assembleias e que, sendo do próprio povo, crie as ferramentas para varrer o racismo, a homofobia, a xenofobia e todos preconceitos dos espaços de ensino/aprendizagem. É por isso que estamos na Casa Amarela, neste dia 24, buscando incentivar a cooperação entre os membros da comunidade, nos organizando contra qualquer opressão e violência.

GRUPO DE EDUCAÇÃO POPULAR – GEP

Anúncios

, , , , , ,

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: