CPI descarta especulação e investigará ‘interesse’ de moradores em incêndios (SP)

(Divulgação | Original em Rede Brasil Atual)

Nova linha de investigação da comissão tem como base depoimentos de coronéis que comandam subprefeituras de Jabaquara, Vila Prudente e São Miguel Paulista

Por Gisele Brito

São Paulo –  A vereadora Edir Sales (PSD), vice-presidenta da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) instaurada na Câmara Municipal para investigar os incêndios em favelas da capital paulista, afirmou que concorda com a adoção de uma linha de investigação que apure a hipótese de que moradores interessados em receber benefícios da prefeitura sejam responsáveis pelas chamas. “A CPI está investigando todas as possibilidades. Tem o viés das construtoras e esse (interesse no bolsa-aluguel) é outro. Nenhum será descartado”, disse, por meio de sua assessoria.

Ontem, no entanto, o presidente da CPI, vereador Ricardo Teixeira (PV), descartou que os sinistros nas favelas Estação, na Vila Prudente, Nair, em São Miguel Paulista, e Babilônia, no Jabaquara, tenham sido motivados pela especulação imobiliária. A nova linha de investigação começou a se desenhar na reunião da Comissão realizada ontem (18), depois que o subprefeitos foram inquiridos pelos parlamentares.

O coronel Roberto Ney Campanhã, subprefeito do Jabaquara, afirmou que os moradores da favela Babilônia voltaram à área incendiada mesmo depois de receber R$ 4.200, o equivalente a doze meses de auxílio-aluguel da prefeitura. O coronel Luiz Massao Kita, subprefeito de São Miguel Paulista, disse que a ocupação de um terreno vazio da Votorantim que deu origem a favela Nair foi “orquestrada”; e o subprefeito da Vila Prudente, o tenente-coronel Roberto Alves dos Santos, relatou a presença de grande número de ligações clandestinas de energia na favela que ocupava uma praça pública há anos.

O vereador Toninho Paiva (PR) praticamente formulou uma acusação: “Geralmente, em São Paulo, com a proximidade do período eleitoral, acontece não só a instalação organizada (de favelas), mas também acabam se incendiando”. E disse ainda estar “interessado em saber” a quem interessa. “Quem está interessado em pagamento por um ano? Quem está interessado em construir rapidamente, refazer os barracos?”.

Os membros da comissão irão visitar as favelas mencionadas na reunião. Ricardo Teixeira aprovou requerimento para que os distritos policiais responsáveis pelos inquéritos de favelas incendiadas enviem à CPI informações sobre as investigações. Para a próxima reunião da comissão, os parlamentares decidiram convocar representantes das subprefeituras da Lapa, Vila Mariana e Sé e do Corpo de Bombeiros.

Anúncios

, , , , ,

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: